Ele respondeu: "Eu te ouvi no jardim, e tive medo porque estava nu; por isso me escondi."
Gênesis 3:10
Ocupação
Agricultores, Pioneiros
Era
Patriarcas e Profetas
NÍVEL
NÍVEL 1
ESTRATÉGIA
Descubra mais sobre eles lendo Gênesis 1-5.
Ocupação
Agricultores, Pioneiros
Era
Patriarcas e Profetas
NÍVEL
NÍVEL 1
ESTRATÉGIA
Descubra mais sobre eles lendo Gênesis 1-5.
HISTÓRIA
PARTE1 DE 8

O PRIMEIRO HUMANO

O primeiro humano do mundo foi criado no final de uma semana cheia de criação. O registro bíblico diz que Deus criou tudo neste mundo ao longo de seis dias e declarou que era bom.

O mundo agora estava cheio de belezas naturais, mas Deus ainda não havia terminado. A sua obra-prima ainda estava para ser criada. Deus criou Adão do solo. Quando ele soprou vida em Adão, o primeiro homem, Deus chamou Sua criação de "muito boa".

Adão foi feito "à imagem de Deus". Isto é, ele refletiu a glória, o intelecto e a beleza de Deus. Nosso primeiro ancestral foi criado perfeito, mas Deus sentiu que havia algo faltando . . . . .

PARTE 2 DE 8

MELHORES JUNTOS

Mesmo depois de criar um ser humano impecável, Deus podia dizer que "não era bom para o homem estar sozinho." Adão deu nome a todas as criaturas da terra, nos mares e no céu, mas não havia nenhuma companheira especificamente para ele.

Foi quando Deus colocou Adão em um sono profundo. Ele pegou uma das costelas de Adão e criou a primeira mulher, uma companheira e ajudadora para ele.

Há muito simbolismo na forma como Eva foi criada. Deus a fez da costela de Adão, mostrando que ela foi criada igual a ele. Ela não foi feita de um osso em sua cabeça, significando superioridade, ou de um osso de pé, indicando inferioridade. Eva, a primeira mulher, era muito diferente de Adão. E mesmo assim ela era igual a ele.

A Bíblia diz que Adão e Eva estavam nus, mas não tinham vergonha. Depois que Deus criou Adão e Eva, Seus seis dias de criação foram completados. Deus então deu um exemplo incrível para todos os humanos seguirem: ele descansou no sétimo dia e chamou-lhe o sábado.

PARTE 3 DE 8

VIDA DE INOCÊNCIA

Desde o início, Adão e Eva foram criados para desfrutar da criação de Deus. E, francamente, havia muito para desfrutar no jardim. O Jardim do Éden era perfeito e bonito. A beleza natural era deslumbrante e havia muita comida deliciosa para comer.

Como os dois primeiros seres humanos foram criados perfeitos, Adão e Eva foram capazes de explorar plenamente o seu potencial dado por Deus. A vida era boa.

Seu trabalho era cuidar da criação de Deus, ser bons administradores. Deus claramente viu o trabalho como algo bom para os humanos porque Ele deu a Adão e Eva a tarefa de cuidar do Éden.

Esta foi uma época perfeita em que nossos primeiros pais humanos viveram em completa harmonia com Deus. Eles caminhavam com Deus, que os visitava no jardim.

PARTE 4 DE 8

A QUEDA

Apesar do imenso privilégio e responsabilidade de cuidar da criação de Deus, havia uma regra importante que Adão e Eva deveriam cumprir. A Árvore do Conhecimento do Bem e do Mal estava fora dos limites. Eles foram expressamente proibidos de comer qualquer um dos seus frutos. E a consequência de quebrar esta regra era terrível: eles morreriam.

No início, Adão e Eva observaram a regra sem nenhum problema. Mas um dia tudo isso mudou. Adão e Eva estavam fazendo suas próprias coisas em diferentes partes do jardim quando Eva se deparou com a árvore proibida. Ainda mais intrigante, ela encontrou outro visitante da árvore: uma bela serpente.

A serpente insistiu que ela desse uma mordida na fruta. No início Eva recusou dizendo que era contra as regras e resultaria em morte. A serpente não aceitou nada disso.

"Não morrerás", declarou a serpente. Afirmava que Deus queria apenas proibi-los de comer o fruto porque sabia que, se o fizessem, isso os tornaria como o próprio Deus. Isso lhes daria o conhecimento do bem e do mal. O argumento funcionou como um encanto. Eva comeu o fruto proibido e, não só isso, ela então encontrou Adão e o convenceu a comer também.

PARTE 5 DE 8

JOGO DE CULPA

Foi quando tudo mudou. Deus veio à procura do casal e, pela primeira vez, os primeiros humanos esconderam-se dele. Quando Ele finalmente os encontrou, eles se sentiram envergonhados. Perceberam que estavam nus.

Deus perguntou a Adão como ele sabia que eles estavam nus e o pressionou sobre se eles tinham comido da árvore proibida. Foi aí que o jogo da culpa começou. Adão culpou Eva por persuadi-lo a comer a fruta. Eva, igualmente desconfortável, passou a culpa para a serpente que a havia tentado. Era triste como nenhum dos dois podia assumir a responsabilidade por esse primeiro erro.

PARTE 6 DE 8

EXPULSÃO

O pecado tinha entrado oficialmente no mundo. Deus fez as roupas de Adão e Eva com peles de animais e os expulsou do Jardim do Éden. Anjos foram colocados na entrada como um sinal de que Adão e Eva nunca poderiam retornar àquele lugar de perfeição.

Recém-despejados da única casa que conheciam, Adão e Eva enfrentaram as duras realidades da vida fora do Jardim do Éden.

Deus disse a Adão que ele teria que trabalhar muito no futuro, labutando na terra. Claro, ele havia trabalhado antes, mas agora era diferente. Eva enfrentaria a imensa dor física do parto. A lua de mel estava oficialmente encerrada. A vida, daqui em diante, seria uma luta difícil.

PARTE 7 DE 8

CAIM E ABEL

Mas nem tudo foi dor e sofrimento, porque vieram os primeiros filhos do mundo. Caim nasceu primeiro e depois Abel o seguiu. Assim, a população humana do planeta Terra tinha duplicado. Apesar da dor de deixar o Éden, Adão e Eva passaram a experimentar a alegria da paternidade.

Além do fato de terem nascido dos mesmos pais, Caim e Abel não poderiam ter sido mais diferentes. Eles tinham interesses e estilos completamente diferentes. Abel cuidava dos rebanhos enquanto Caim se tornou agricultor.

Eles estavam famintos pela aprovação de Deus e ambos se propuseram a oferecer um sacrifício ao seu criador. Suas diferenças de caráter foram exibidas de forma estridente na forma dos sacrifícios que ofereciam a Deus.

Caim ofereceu um sacrifício de vegetais, mas Deus rejeitou. Abel, por outro lado, ofereceu as melhores porções do primogênito do seu rebanho. Deus aceitou seu sacrifício, o que enfureceu Caim, que atacou e matou seu irmão em uma fúria de ciúme. O mundo agora tinha seu primeiro assassino.

Caim foi banido para uma existência nômade. Mas Deus foi misericordioso e o protegeu.

PARTE 8 DE 8

FINAL FELIZ

A trágica morte de um de seus filhos pelas mãos do outro foi extremamente dolorosa para Adão e Eva. A morte, o resultado do pecado, nunca foi tão clara.

Deus era bom, no entanto, e deu-lhes um terceiro filho, Sete. Este novo filho era como uma brisa suave. Ele foi obediente a Deus e deixou seus pais orgulhosos.

Eva acreditava que Sete era um presente de Deus para substituir Abel, que ela tinha perdido tão tragicamente. O Sete era especial. O registro bíblico mostra que as pessoas começaram a se voltar para Deus depois que ele nasceu. Esta foi uma mudança crucial. Por mais que a vida fosse difícil e a morte agora fosse uma realidade, voltar-se para Deus oferecia conforto. Deus ofereceria a esperança da vida eterna que Adão e Eva tinham desistido.

Adão viveu até a impressionante idade de 930 anos e depois morreu.

Descubra mais sobre Adão e Eva lendo Gênesis 1-5 na Bíblia.